A Importância de Comentar em Outros Blogs

deixe um comentario

Desde o surgimento dos blogs e fotologs, um dos maiores atrativos não era somente o texto (ou foto), mas sim os comentários que cada visitante ou amigo nos deixava. Independente do tamanho do comentário, da qualidade dele, do que agregava, ele simplemente era um fator de “status” entre blogueiros.

Me lembro muito bem, quando eu comecei a ver fotologs e blogs na internet e pensava, “Um dia eu quero ter um blog cheio de comentários”, ou ainda, “Como que eu faço para conseguir tantos comentários assim?”.

Os tempos passaram, mas os velhos hábitos continuam… receber comentários ainda é um SINAL de status. Mas além de um SINAL de status para quem recebe o comentário, também é um SINAL de status de QUEM comenta. Sim! Você que comenta em outros blogs mostra as suas idéias e opiniões através de comentários, possibilitando uma rotulação de quem é você, o que pensa, como se expressa.

Mas pensando, por que eu devo comentar em outros blogs? Vou enumerar aqui algumas boas razões:

  1. Exposição do seu nome – Nada mais importante do que se mostrar na internet. Criando comentários você espalha o seu nome por diversos sites. Encare o seu nome como uma marca.
  2. Exponha suas idéias – Além de ter o seu nome em um site, o conteúdo do seu comentário influi e muito como você cresce na web. Ninguém te respeita por comentários do tipo “Site legal”, ou ainda, “Post legal, veja o meu blog”. Use e abuse de comentários produtivos, exponha a sua idéia sobre o tópico do artigo, questione o posicionamento do autor, ou ainda complemente as idéias do autor ou de outros participantes de comentários.
  3. Ganhe respaldo – Comentar é uma forma de divulgar as suas idéias e marca (nome). Isto lhe proporciona respaldo desde que, você faça comentários importantes e relevantes. Ganhar respeito na web é muito difícil, mas você pode conquistá-lo por meio de poucas palavras.
  4. Faça conexões – Se você sempre comenta em um blog, ou em um conjunto de blogs, os autores começam a lhe identificar como uma peça da sua comunidade, que possui os mesmos interesses que ele, ou ainda, que possui interesses similares. Estes autores podem se sentir motivados a se relacionar com você não só através de comentários, mas sim através de outros meios de comunicação como Twitter, MSN, Gtalk, Skype ou mesmo através de meios offline, como eventos.
  5. Divulgue o seu blog – Com os comentários é muito fácil divulgar o seu blog (ou site). A maioria dos blogs aceitam o campo site, além do seu nome, email e comentário. Assim, se você possui um comentário muito interessante, ou até mesmo é um comentador assíduo do blog, os outros usuários e o autor se sentem estimulados a visitar o seu site/blog para ver os seus artigos.

Acima de tudo, comente por prazer, não para divulgar. Gosto de uma frase assim… “O que você faz em vida, ecoa na eternidade”, e na web não é diferente… o que você comenta fica ali gravado para todo o sempre. Se for comentar, comente algo relevante…. não faça SPAM.

27 thoughts on “A Importância de Comentar em Outros Blogs

  1. 9 fevereiro 2009 at 7:17 pm

    Um post sobre comentários sem comentários! Não pode!

    Li outro dia um artigo referenciando um teste que o autor fez deixando apenas um comentário pertinente em UM dos blogs mais importantes dos Estados Unidos. O resultado foi um salto de simplesmente mil usuários.

    Gostei muito do artigo e sou obrigado a concordar: comentários ainda são bem difíceis de se arrumar.

  2. 9 fevereiro 2009 at 11:05 pm

    Essa prática de “comentar para ser comentado” acho que deu mais certo no Fotolog ou pelo menos foi lá que eu percebi, já que sou mais ligado em fotografia. As pessoas comentavam para ter comentários e ter um falso status de importância ao ter muitos comentários em uma única foto. O problema é os comentários eram irrelevantes, do tipo “ótima foto”. No Flickr não é diferente, fico até puto com fotos horríveis sendo comentadas como “ótimas” só para poder ter o retorno. E com isso a prática do fotografo “ruim” acaba se estendendo, afinal tá recebendo um elogio pelo o que fez. Um simples comentário pode gerar grandes consequências… hehehehe

  3. 11 fevereiro 2009 at 9:52 am

    Acho muito interessante isso, mas hoje é meio que “falso”, você comentar em um blog , e o outro geralmente ja sabe que você esta fazendo isso para fazer um troca, mesmo assim é válido?

  4. 11 fevereiro 2009 at 8:56 pm

    Estou começando agora com um blog, confesso que estou tendo algumas dificuldades, principalmente relacionado a “como me expressar”, “como fazer um comentário legal??”, essas coisa… Parabéns pelo post, me esclareceu algumas coisas.

  5. 12 fevereiro 2009 at 10:48 am

    Ótimo artigo Fábio.
    É interessante ver como é possível “se divulgar” por meio dos comentários. Se quase todos (acredito que todos) os blogs não tivesssem nofollow para os links dos comentários seria ainda melhor.

    []‘s
    Newton Calegari

  6. 16 fevereiro 2009 at 8:21 am

    Muito bom esse post, e realmente é assim que funciona, não basta falar “que site ou que blog bonito, visite o meu…”.

    Temos que começar a expor nossas idéias, dar sugestões e ser um amigo do dono do blog.

    è isso meu amigo, tenha uma ótima semana.
    abração!

  7. 17 fevereiro 2009 at 4:34 pm

    Parabéns pelo post Ricotta !!!

    Eu estava pensando nesse assunto esses dias, o número de visitantes que passam por um post sem deixar um comentário é muito grande [a maioria], a principio isso causa uma sensação estranha:

    Será que não gostaram do post ?

    Por isso penso que os cometários promovem uma troca de idéias muito grande [interatividade]

    Um detlhe tb, é que esse aspecto é uma característica de nossa cultura, já observei que em blogs gringos a interatividade é maior.

    Abs,

    AN :)

  8. 18 fevereiro 2009 at 7:24 pm

    Acho que no começo é meio difícil começar a comentar, vem aquele medo de pensarem que falei bobagem ou algo assim, mas depois que pega o jeito vai embora.
    Acredito sim que participar ativamente em outros blogs ajuda a promover seu próprio blog. Eu volta e meia recebo visitas de pessoas que leram meus comentários. Inclusive escrevi esses dias um artigo sobre isso no meu blog.
    Mas não vale comentar só para ganhar fama, o importante é expor suas idéias, seu ponto de vista e gerar a discussão (no bom sentido da palavra).
    Hoje entrei a primeira vez no seu blog e vou continuar seguindo a partir de agora, bons seus artigos, um abraço.

  9. Luiz Felizardo
    23 fevereiro 2009 at 8:15 am

    Me convenceu.
    Gostei tanto do post que vou passar a comentar mais frequentemente de agora em diante, a começar pelo seu :D
    Nunca gostei de fazer isto, mas tambem não tinha pensado por este lado que você expôs no post.
    Parabéns, espero que divulgue meu nome hehehe… abraços.

  10. 23 fevereiro 2009 at 11:36 am

    Eu, quando gosto dos posts, sempre comento, pena que no meu blog não seja assim.

    Abraço

  11. 23 fevereiro 2009 at 11:44 am

    Fábio, creio que Você acertou no ‘olho da mosca’, no centro do alvo. O comentário é o sangue e o oxigênio dos blogs e dos blogueiros, é o que faz pulsar a blogsfera, o que lhe confere importância. E é natural que aqueles que empurram o sistema prá frente, sejam os principais beneficiados por todo este esforço.
    Sem tirar nem por, as razões Você levantou com bastante critério.
    Abraço, Edu

  12. 23 fevereiro 2009 at 11:29 pm

    Concordo com o Paulo, por questões culturais e até mesmo por falta de conteúdo redacional nossos Blogs ainda não recebem comentários suficientes se comparados aos gringos, a falta de prática em redação é um outro problema encontrado em nosso Brasil.
    Eu me amarro na loja virtual WOOT, são centenas de comentários diários sobre produtos, os clientes são extremamente participativos.

  13. 28 fevereiro 2009 at 1:56 pm

    Olá, Fábio. Os comentários, quando bem elaborados e feitos dentro do contexto, sejam eles convergentes ou divergentes, abrem portas dentro da Web até para um bom emprego. Quando iniciei na blogosfera, há quatro anos, corria atrás dos bons comentaristas para ver se encontrava um perfil que se adequasse à nossa equipe. Muitas vezes nem achava, mas o fato de ter deixado um bom comentário já valorizava muito o artigo.

    Abs!

  14. 6 março 2009 at 9:27 pm

    Fábio, excelente artigo, é de total verdade que assim como o Anderson disse, você cria uma interatividade entre o leitor e quem escreveu o artigo, você tem o feed back quase que instantâneo do sucesso ou não daquele documentário, por isso eu vejo hoje os blogs como cada vez mais se tornando padrão de informação na web, se você gostou voce deixa seu comentário e seu texto naquele site idependnete do tamanho e da visitação, você contribui com aquele artigo e também pode criar conteúdo mesmo não tendo site ou blog apenas comentando..

    parabens

    philipe cardoso

  15. 9 março 2009 at 3:55 pm

    Totalmente de acordo!
    Conheci mta gente por comentar em outros blogs que achei aleatoriamente e que viraram leitores do blog – e divulgadores!
    Só acho que, quando se vai comentar, deve-se sempre primar pela relevância. Não adianta só comentar “ah, que bacana! abraço”
    Vale mais a pena deixar em branco, se não tem nada relevante a acrescentar!

    Abraços!

  16. 11 março 2009 at 4:59 pm

    @Chris Benseler
    É né Sr Chis Benseler, comentários relevantes não repetem o que o autor do texto diz. Se adiciona algo ou critica algo, simplesmente copiar e colar o que ele disse e falar que concorda é spam tbm ^^ (um spam positivo).

  17. 17 março 2009 at 2:10 pm

    Concordo com o Newton Calegari quanto ao nofollow, perdemos em popularidade na pontuação dos spiders dos mecanismos de busca afetando nosso posicionamento em resultados de pesquisas. Essa é uma das polêmicas dentro do SEO, existem até profissionais de SEO como Dan Thies que esculpem o pagerank com nofollow, mas isso é um ponto sensível na estratégia de exposição do blog e do nosso nome dentro da blogosfera. E como você disse e o Chris Benseler lembrou… Relevância, sem ela seu comentário fica perdido na poeira. E acho que hoje esse seja um dos principais problemas dentro da blogosfera, a falta de conhecimento técnico dos usuários ao comentarem um artigo. Eu digo isso não com intenção de que parem de comentar, mas como estimulo para que se especializem no assunto proposto no artigo antes de comentarem. Mas pare que os usuários se especializem no assunto e não apenas ache “legal” ele tem que achar interessante o assunto e não somente o artigo e tornar o assunto interessante é a meta de qualquer blogueiro! Por motivos como esse que Social Media Marketing vem emergindo dentro das agências que prestam serviços focados na web.

    Paz no coração e Luz na razão.

  18. 15 abril 2009 at 10:54 am

    Acho que é interessante comentar aquilo que leu e que realmente achou interessante e que alguma diferença naquele momento.

    Mas é sempre bom deixar um comentário do que achou da matéria para se ter uma referência se está indo no caminho correto.

    Um abraço!

  19. 21 abril 2009 at 3:48 pm

    Eu nunca cheguei a pensar nisso, mas a dica é muito boa.
    Apenas acho que comentáro como “é, gostei” não vale a pena.

    Mas vale a pena tentar:

    visitem meu blog!

  20. 1 maio 2009 at 1:59 pm

    Perfeito Fabio. Recentemente eu começei a escrever em um blog, sobre um tema bastante popular, o Big Brother Brasil, que eu sei que muitos odeiam por diversas razões. Escolhi o tema porque gosto do programa, mas principalmente porque é um tema muito popular na blogosfera, tanto que há até uma denominação para a comunidade de blogs sobre esse assunto, a netBBB.
    Consegui muitas visitas, alguns comentários e visitantes frequentes, usando várias formas de divulgação, mas também comentando em outros blogs. Vi na prática que meus comentários geraram nada menos do que 1099 visitas. Até que está bom para um blog estreante e com apenas três meses de idade.
    Abraços!!!

  21. 6 maio 2009 at 1:37 pm

    É engraçado comentar este post!
    Mas foi um bom post!
    Gosto de comentar, de expor minhas ideias e conhecer as ideias e experiencias de outras pessoas.

    abraço!

  22. 16 junho 2009 at 6:07 pm

    @Ruan concordar é spam? Não concordo. No meu caso, estava dando um exemplo real, de algo que acontece no meu blog e os efeitos, para afirmar que o texto faz sentido.
    []s!

  23. 25 junho 2009 at 11:12 am

    Oi Fabio.
    Acho que está certo quando fala a respeito do status (de quem comenta e para o blogueiro em sim). Mas, além disso, penso que quando temos um blog, queremos que as pessoas comentem para que possamos ter a certeza de que ele está sendo visitado, que está sendo útil de alguma maneira para alguém. Eu, particularmente, fiz um blog há pouco tempo e tenho poucos comentários ainda, mas, sei de pessoas que entram lá todos os dias, mas, não deixam sua opinião. Isso é complicado porque dessa forma eu não tenho como saber quantas pessoas estão visitando meu blog e se estão gostando. Acho que quando fazemos um blog queremos também agragar valor, então, se ninguém está vendo (comentando) é como se o blog não tivesse motivo para existir…

  24. 25 junho 2009 at 11:26 am

    É extamente por esse motivo que eu estou gostando do Twitter! Cheguei a este post graças a sua postagem no twitter falando sobre ele!

    Suas palavras sobre o tamanho do comentário me fazem lembrar um ditado: “O que vale é a intenção”. Mas em contrapartida dá até um certo desânimo com alguns comentários que aparecem. Lí um post há alguns dias no blog da DéboraX que fala justamente sobre isso.

    Abração cara!

  25. jam
    30 junho 2009 at 11:46 am

    Bom dia fàbio,
    tenho encontrado titulos duplicados nos comentàrios do blog sempre, por isso coloquei o nofollow nele. existe outra maneira de resolver o problema sem colocar essa meta tag’
    outra perguntinha, varri todos os sites à procura e nao encontrei, como colocar no blogger o nofollow nos links sem grande importancia, qual o caminho no codigo do html’
    simplesmente nao consigo.
    obrigada desde jà,
    jam

  26. 21 maio 2010 at 10:17 am

    gostei do site cara e isso ai é verdade temos q comentar sim! as vezes qnd os leitores não comentao eu fico triste :(

    http://www.nerdtagarela.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *