Google Caffeine explicado por Matt Cutts

Semana passada vivenciamos mais uma novidade no mundo do search: o lançamento do Google Caffeine. A nova aposta do Google é um trabalho que já está em adamento a meses, segundo disse Matt Cutts em uma entrevista ao WebProNews no SES San Jose. Aproveite esta entrevista e saiba mais informações sobre o novo modelo de busca do Google, o Google Caffeine:

Orkut Excluído – Entenda o que houve com vários perfis do Orkut

Na noite de hoje (10/08) o Orkut resolveu excluir uma série de perfis que, segundo ele, violaram a política do Orkut ou ainda a política de imagens do serviço. Fiquei sabendo desta por causa de minha mãe, que simplesmente me falou “O orkut está falando que excluiu o meu perfil”. Achei muito estranho pois ela não faz spam e nem possui imagens no perfil.

Pelo que pude notar na busca do Twitter, várias pessoas estão noticiando o mesmo e parece que isto é um problema geral.

Orkut Excluido

Pelo que conheço do Google, algum algoritmo de detecção de perfis falsos deve ter rodado e assim excluiu diversos perfis sem fotos. Como isto afetou diversos usuários, o Orkut deve fazer um rollback, voltando todos os perfis novamente.

Vamos esperar nas próximas horas para ver algum pronunciamento do Orkut.

A Internet em um Gráfico

Achei esta imagem muito interessante, onde mostra o crescimento do uso da internet nos principais países do mundo:

O interessante é observar o crescimento do Brasil, que passou de 18 milhões de usuários em 2002 para 67 milhões em 2008. A China teve um crescimento gigantesco, passando de 45 milhões de usuários em 2002 para 253 milhões em 2008! Incrível!

Invista em Palestras, Cursos e em Você

Não me lembro ao certo de quantas palestras e cursos já participei até hoje, mas me lembro do primeiro evento que fui em São Paulo…. foi o Google Developer Day de 2007. Não me esqueço daquele evento, pois naquela época eu estava com o projeto do Eu Quero Trabalhar no Google e tracei metas de participar de tudo o que agregasse conteúdo, principalmente tudo relacionado ao Google.

O primeiro evento…

Lembro muito bem, quando naquela época, eu trabalhava como Webdesigner na MestreSEO, que ainda possuía o nome de Alfa/Net, e ganhava meus trocados por mês. Peguei boa parte do dinheiro e lá fui eu para o meu primeiro evento. Como todos os eventos do Google, eu não gastei com o evento em si, mas com o deslocamento daqui de Itajubá até São Paulo, fora a movimentação até o local do evento, que não era próximo de algum metrô. Enfim, foram os 200 reais mais bem investidos que fiz naquela época. Tive a oportunidade de conhecer os famosos Googlers.

E aí continuou…

Depois disso corri atrás de todos os eventos que pude. Fui em eventos do iMasters, da Arteccom, da Info, do SMX e muitos outros que sequer lembro o nome, mas me lembro muito bem toda a bagagem que isto me rendeu.

Tive a oportunidade de conhecer diversas figuras da web brasileira, vários ídolos, vários companheiros de MSN, de emails e de discussões. Troquei cartões com empresários, amigos e desconhecidos.

Mas o que fica destes eventos e cursos é que eu agreguei muito conhecimento, todo o dinheiro INVESTIDO redeu muito e hoje estou onde estou por causa disto, por causa do investimento que fiz em mim e que a empresa fez em mim. Só pude ser um profissional diferenciado aqui nesta cidade do interior de minas pela minha persistência de querer aprender mais, de investir em mim antes mesmo de cobrar que a empresa investisse nos meus cursos e palestras.

Invista em você

Neste ano pude presenciar o acontecimento de vários eventos, muitos que não pude ir, alguns que pude comparecer, mas com certeza são em maior quantidade do que em 2007, com temas mais cativantes e palestrantes bem mais experientes, com cases e histórias sensacionais.

Ainda sim, vejo diversas pessoas que reclamam não ter dinheiro para ir a um evento, ou ainda que sua empresa não investe no profissional, mas pare e pense: você está investindo na sua carreira? Quanto você já investiu? Coloque isto no papel. É bem provável, que se você se encaixa no perfil que acabo de descrever, nunca tenha tirado aquele dinheiro reservado para as tão sonhadas férias e colocado em um curso que você possa fazer, ou ainda um evento que contém os maiores players do mercado que você trabalha. Já fez isso? Nunca?

Cresça profissionalmente

Não estou aqui para “dar lição de moral”, mas sim para passar a pouca experiência que ganhei nestes últimos anos. Não basta querer, você tem que fazer. Antes de reivindicar que sua empresa invista em você, abra mão do seu “conforto” e invista em algo que irá lhe tornar um profissional melhor. Sempre que você fizer um INVESTIMENTO EM VOCÊ com certeza isto voltará em dobro. Nada é perdido quando o investimento é em você.

Por fim, fico aqui com uma montagem que fiz, dos eventos e pessoas que conheci, onde com certeza, me agregaram muitas coisas, não só profissionais…

Eventos

Twitter em combate ao Spam

Se você possui um perfil no Twitter assim como eu, deve ter notado que nesta semana que passou o número de followers provavelmente caiu um pouco, ou ainda teve um crescimento abaixo do normal. Segundo o TwitterCounter, um serviço que mostra a quantidade de seguidores de um perfil, eu pude observar a queda de seguidores no meu perfil:

Queda de seguidores no Twitter

Mas não se preocupe, segundo o blog do Twitter, a empresa está fazendo alguns ajustes em “informações inconsistentes” e elimiando perfis de spammers do grupo de usuários do Twitter.

As palavras do Twitter:

For some time, the follower and following counts we display have been incorrect for some folks. We’re soon to push a change that will address this issue. This means that the count you see in your sidebar should match what you see on your follower and following pages.

However, a consequence of this change is that follower counts will drop for some people. In particular, those with large followings may see significant changes as we correct for spam accounts and data inconsistencies. No legitimate followings should be affected—we’re just cleaning up artifacts in the system.

Este é um importante sinal de que o pessoal do Twitter está ligado na questão de spam na rede social, visto que a mesma está cada vez mais cheia de perfis de spammers.

Para quem ainda não sabe, o Twitter conta com um perfil oficial (@spam) onde é possível denunciar qualquer tipo de spam na rede social. Basta apenas segui-lo e mandar uma direct message.

GuanaCast 66 – Saiba tudo sobre CMS

No CMSBrasil tive o prazer de participar do GuanaCast, um podcast do Guanabara.info, um dos podcasts mais legais e produtivos que eu já ouvi na web brasileira. Nele, bati um papo com o Gustavo Guanabara e o Kauê Linden da HostNet.

Este podcast teve participação de:

  • Fabio Ricotta do MestreSEO
  • Maurivan Luiz
  • Daniela Melo do PagSeguro
  • Cátia Kitahara do WordPress-BR
  • José Fontainhas da Automattic
  • Matt Mullenweg, o criador do WordPress

Um abraço especial ao Gustavo e ao Kauê por terem me convidado a bater este papo super descontraído!

Vídeo do Google Wave

A pouco tempo o Google anunciou um dos seus mais novos produtos, o Google Wave, um novo tipo de plataforma de comunicação que seria um aperfeiçoamento do email, tornando-o um tipo de chat+email que funciona em tempo real. Pois bem, encontrei um vídeo na CNet que mostra exatamente como é o funcionamento do Google Wave e achei interessante postar a vocês:

Post Pago, Links de Afiliados e Twitter – Onde fica a Ética?

Se tem um dos assuntos mais delicados na blogosfera brasileira é falar de Post Pago ou ainda de Links de Afiliados. Para quem nunca ouviu falar, o Post Pago é uma forma de publicidade utilizada por várias agências e empresas de modo que um blog ou grupo de blogs falem de um determinado assunto que esta agência/empresa deseja.

Clique AquiPor exemplo, imagine uma empresa de hospedagem de sites, que deseja divulgar o seu novo produto, um novo servidor dedicado. Ela procura uma série de blogs onde pagar por um review editorial, ou seja, a opinião destes blogueiros sobre o serviço oferecido. Assim, estas empresas conseguem uma maior exposição da sua marca e/ou serviço.

Eu sempre tive uma posição radical contra links pagos ou ainda links de afiliados em blogs pois sempre acreditei que você trai o seu leitor, oferendo algo que você normalmente não ofereceria.

Após de uma avalanche de tentativas de Posts Patrocinados na blogosfera brasileira, eis que surge o Twitter, como ferramenta de comunicação em massa, e com ela, surgem os seus casos polêmicos. O que antes era um Post Patrocinado, passou ser uma Twittada Patrocinada, mas a filosofia era a mesma na minha visão.

Fiquei mais indignado ainda quando soube do caso do Marcelo Tas, que foi um dos pioneiros no ramo das Twittadas Patrocinadas. Apesar de não segui-lo, eu achava um abuso contra seus followers, que gostavam de ver o que ele escrevia e não sobre o que empresas pediam para ele escrever.

Pois bem, o tempo passa e criamos teorias, reformulamos outras e pensamos diferente.

A questão não é o fato de criar um Post Patrocinado ou uma Twittada Patrocinada, mas sim se quem o faz possui ética a ponto de dizer a verdade e produzir apenas conteúdo de qualidade, que seja  útil para aqueles que o seguem, que seguem os seus pensamentos e idéias. Se você, o produtor da idéia envia um Link de Afiliado no Twitter e o seu seguidor não gosta, você perde reputação, não é apenas o clique, mas sim a perca de confiança no que você produz.

Eu continuo não fazendo nenhum tipo de Post Patrocinado ou Twittada Patrocinada, mas digo o seguinte, se você deseja fazer, torne-a uma experiência única para o seu seguidor/leitor e aproveite da sua reputação.