Pesquisar
Close this search box.
Sumário

Jobs Pontuais vs Jobs Recorrentes

No vídeo de hoje eu vou falar sobre um ponto que passa muito pela cabeça dos freelancers, mas não só!

Afinal, o que é melhor? Jobs pontuais ou jobs recorrentes? 

Deveria pegar, fazer um trabalho e encerrar o relacionamento? Ou fazer de forma recorrente e manter o cliente?

Em ambos os casos é um negócio, e você precisa atingir um objetivo!

Os jobs precisam trazer benefícios para você

Será que o que você está fazendo vai te trazer uma oportunidade de crescer?

Se o job pontual for grande, trouxer um bom faturamento, é claro que você pode ter essa chance, mas na maioria das vezes não é assim.

Grande parte dos jobs por demanda são menores, com um budget curto e um tempo. Tudo bem condicionado e redondinho.

No caso do modelo de job recorrente, apesar de o valor ser menor, normalmente, ele “pinga” de tempos em tempos ali. É como os modelos de assinatura, como a Netflix. É um compromisso de mão dupla, um lado paga e o outro oferece o serviço.

Aqui na Mestre, funciona mais ou menos assim. Eu vejo o preço do projeto e divido em doze meses. Assim eu vou receber, dividido nesses meses, o valor total do serviço.

Vantagens do job recorrente

Essa visão, essa previsibilidade, é uma das principais vantagens do job recorrente.

Eu posso tomar decisões futuras sobre aquisição de equipamento, adição de pessoas na equipe, investir em outras tecnologias, marketing, mídia, entre outros.

Suponha que no pior cenário, 5% dos meus clientes não me paguem, mesmo assim eu vou ter um capital mínimo que eu sei que eu vou receber. Dessa maneira eu posso, inclusive, ter mais chances de conseguir acordos com bancos ou com investidores.

O que eles olham é o tamanho da sua recorrência, qual os valores (incremento) e o quão fácil é esse cliente sair ou não, além das taxas de churn e inadimplência.

Dicas para quem está começando como freelancer

Se você está começando como freelancer e ainda depende muito de jobs pontuais, precisa fazer uma escolha:

Você vai pegar um freela para complementar a sua renda, e se não precisar você não faz? Então provavelmente os jobs pontuais são uma boa ideia para você.

Agora, se você é um freelancer que quer ampliar o seu negócio, e talvez se tornar um consultor ou criar uma agência, você precisa ganhar projetos recorrentes!

A previsibilidade é muito importante, então já é crucial pensar em possibilidades de serviços que gerem essa recorrência.

No caso de desenvolvimento de sites você pode cobrar pela hospedagem, regularmente, ou até mesmo por um fee mensal de manutenção. Assim você transformará um job que seria pontual em algo recorrente por meio do seu bom trabalho.

Jobs recorrentes precisam de contrato

Quer apostar no modelo de jobs recorrentes? Então você precisa se resguardar com todas as informações sobre o projeto em um contrato! Isso é um dos pontos que eu ensino lá no meu treinamento, o Agência10x.

Você pode ter um modelo de contrato, eu ensino todos meus alunos a desenvolver um documento como esse, que tenha esse tipo de respaldo e garanta o pagamento de seus clientes todos os meses.

O que é melhor? Jobs pontuais ou jobs recorrentes? 

Jobs pontuais podem ser muito bons para você ter picos de aquisição de valores, em troca de um pico igual de horas trabalhadas, mas sem oportunidade de alavancar seu negócio a não ser que busque transformá-lo em algo recorrente (se for seu interesse).

Os recorrentes, por sua vez, são ideais para começar uma agência digital e alavancá-la, e talvez até para você deixar de ser um freelancer e buscar uma vida mais empreendedora, ainda que queira ser freela em tempo parcial.

Gostou do vídeo? Para mais dicas como essa, fique sempre ligado às novidades do blog do Agência10x!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Como Trabalhar Com Objeções de Preço na Proposta Comercial
Como Trabalhar Com Objeções de Preço na Proposta Comercial

As objeções de preço são bastante comuns durante negociações comerciais, e você precisa aprender a quebrá-las sem desvalorizar os seus serviços e correr o risco de pagar para trabalhar. Leia o artigo e entenda mais sobre o assunto!

Como Quebrar Objeções na Venda de Gestão de Tráfego? Confira Estratégias
Como Quebrar Objeções na Venda de Gestão de Tráfego? Confira Estratégias

Por melhor que seja sua proposta comercial, nem todo cliente vai aceitá-la de primeira. Pelo contrário: é muito comum que eles precisem ser convencidos. Leia o artigo e confira estratégias de como quebrar objeções na venda de gestão de tráfego que vão te ajudar a fechar mais contratos!