Pesquisar
Close this search box.

Cuidado com Indicações Sanguessugas

Sumário

Ao longo da sua jornada, você vai se deparar com algumas situações em que pessoas vão sugerir uma “indicação” para sua agência digital.

Por exemplo: alguém pode chegar a você e perguntar por qual valor você fecharia negócio para, então, sugerir uma quantia maior para ganhar lucro em cima da que você estabeleceu para receber. Mas qual é o risco disso?

O risco das indicações sanguessugas

No final das contas, quem vai ter o lucro maior e ser visto pelo cliente como o “agente transformador”, vai ser o contato que fechou negócio, e não você.

Entenda: por mais que você faça tudo, inclusive o atendimento, a pessoa que fez a “ponte” entre sua agência digital e o cliente, vai ter destaque maior;

Além disso, como você vai estar responsável pelo trabalho e a outra pessoa que firmou a relação não adiciona valor nenhum à execução do projeto, ela ganha mais. Isso porque ela vai receber somente por ter ajudado a levar o projeto para você.

“Ah, Ricotta, mas ainda assim representa mais um projeto para a agência”. Quando você notar que a pessoa que indicou não acrescenta valor para o projeto e que sua agência não vai ser considerada como crucial para a transformação, você vai começar a se sentir mal.

Outro ponto importante é que, nesses casos, as chances de fazer um upsell e até mesmo uma renovação são baixíssimas.

Política de indicação que você pode seguir

Eu sigo uma política muito séria de indicação. Quem desejar fazer alguma indicação, esperando receber algo em troca, não faz acordo comigo, pois prefiro não fazer. Da mesma forma, se eu indico algum cliente para um parceiro, não espero receber nada. Se o projeto prosperar, vão lembrar de mim e isso já basta.

Não vale a pena fazer ou receber indicações sanguessugas! Você tem que ser o agente transformador para seus clientes e tem que ter o poderio de negociar. Isso vai subir seus valores com o tempo e criar uma parceria saudável com seu time!

O que achou deste artigo? Deixe seu comentário e continue aqui no blog do Agência10x!