Pesquisar
Close this search box.

O Que Acontece Em Um Projeto de Inbound Marketing

Picture of Fábio Ricotta
Fábio Ricotta
Sumário

Olá tudo bem? Hoje eu vou responder a uma pergunta que deixaram em minhas redes! É a seguinte “Fabio, estou prospectando com Pipedrive integrado e Meetime e estou crescendo a cada dia mais! Porém, estou pensando em fazer também Inbound Marketing, o que você me recomenda?”.

Está é uma dúvida frequente, mas, o que de fato o Inbound entrega para quem contrata este trabalho? Confira!

O que é Inbound Marketing?

Na essência, o Inbound Marketing é o marketing de atração e relacionamento para converter as pessoas, em clientes. Tudo isso de modo natural e não muito intrusivo.

O Inbound não é só para gerar leads, entregar um e-book e mandar uma sequência de e-mails. É toda a visão estratégica por trás disso. Acho que a primeira coisa que a gente tenta entregar aqui pela Mestre, é uma organização estruturada do que vai acontecer com uma pessoa ao ter contato com a sua marca.

Isso é muito importante, pois, muitas vezes achamos que o Inbound Marketing é uma receita de bolo. Que é só colocar um anúncio, gerar um lead e fazer tudo de forma rápida.

Mas a grande ideia é ter uma visão completa de onde a sua empresa quer chegar. E o profissional de Inbound vai traçar os passos necessários, baseando-se nos conceitos desta estratégia — que basicamente é um marketing digital 360º — para atingir esses objetivos da melhor maneira e de forma escalável.

Vantagens do Inbound — Escalar um negócio

Uma das grandes vantagens do Inbound é que você pode escalar um negócio, ou seja, gerar uma consistência de vendas e aumentar esse volume sem prejudicar a empresa.

Isso porque a ideia desta estratégia é atrair um grupo de pessoas e nutri-las para que aos poucos elas convertam. Então é um crescimento mais sustentável para a empresa.

Para que isso aconteça, no planejamento digital já é definido quais vão ser as mídias, quais vão ser os conteúdos que essas pessoas vão consumir — topo, meio, fundo — assuntos de e-mails e também uma visão clara cliente ideal ou persona.

Persona

A famosa persona ou avatar é o seu cliente, ou grupo de pessoas ideais. Comece com uma ou duas personas no máximo. Assim, vai poder entender o que o seu público deseja, quais são os comportamentos e necessidades. E isso em Inbound é essencial para você fazer a nutrição de leads correta.

Planejamento

Depois disso é que vem as estratégias de aquisição, ou seja, o que você vai usar para transformar as pessoas interessadas em leads. Alguns exemplos são artigos, e-books, webinários, uma série de vídeos e entregáveis que você vai ter no sentido operacional.

No planejamento, você vai definir como ir do ponto A ao ponto B e também uma série de itens como, quais serão as mídias, onde está o público correto, qual tipo de escrita ele prefere, qual linguajar utilizar em cada canal e etc., para de fato você atrair as pessoas. Depois de tudo isso traçado é que você vai partir para a parte operacional.

Operacional

Nesta fase é preciso executar as ações que vão atrair a persona e também analisar os dados que você recebe, como por exemplo, de onde vem o lead e qual a qualidade dele.
Sabendo a origem do lead, você pode investir mais nele. Sendo assim, é um trabalho que gera uma oportunidade muito boa de melhoria contínua.

Isso porque você faz um planejamento estratégico, executa esse trabalho durante um período de tempo, e pode fazer pequenos ajustes a fim de estar mais próximo de seu objetivo final.

Acompanhamento de metas

Então, em uma visão de “o que eu recebo em Inbound?” ou “devo fazer Inbound?” a lógica é que você vai ter uma estratégia e vai entregar materiais operacionais.

Mas o que é importante lembrar, é que é preciso ter uma visão clara do ponto A — onde você está agora, para quem você se comunica, qual dor da persona você sana — até o ponto B, que é quais clientes você quer atingir, quantas vendas quer por dia, semana ou mês você quer.

Inbound Marketing vai traçar essas metas ao longo do tempo e acompanhá-las. E não menos importante, essa estratégia é responsável por levar a pessoa mais qualificada para a equipe comercial — seja ela seu vendedor ou a página de vendas de seus produtos.

Leads qualificados para o comercial

O papel do Inbound é cada dia mais fazer com que a sua equipe comercial passe menos tempo fazendo pitch de vendas. Quanto mais pessoas interessantes forem entregues ao comercial, mais eficiente estará o seu Inbound.

Então a conexão entre marketing e vendas, transforma sua realidade em uma bem mais poderosa. Uma vez que você sabe quem é o público. E mesmo que você chegue e se questione “Fabio, estou começando Inbound agora e não chega tanto lead qualificado”. Essa é a história da melhoria contínua que comentei. Quanto mais você souber quem é a pessoa errada, mais a sua estratégia será alinhada para quem é a correta.

Esta é a visão de Inbound e o que você pode receber com essa estratégia. E espero que você possa ganhar bastante desta visão.

Espero que tenha gostado de conhecer mais sobre essa técnica! Para conferir mais conteúdos para alavancar sua agência digital, continue acompanhando o blog do Agência10x.